Os Melhores Filmes da Mostra SP, 2020

MOSTRA ONLINE, modo de usar

Em oferenda à Wen T’chang, o deus da literatura chinês, e sob seus incensos, os tons ocres, a essência de Fenyang, a imagem de Jia ZhangKe, a 44ª Mostra São Paulo dá seus pontapés iniciais, indo online para todo (e somente) Brasil. Seus filmes serão exibidos completamente em streaming na plataforma Mostra Play e em parceria com a renomada plataforma “Festival Scope”, que atende centena de outros Festivais, além de mercados e imprensa internacional.

O cadastro começa a partir das 00:01 do dia 22/out no próprio site da Mostra e é bem simples de fazer (exige e-mail e senha) e, feito o login, todos os filmes já estarão disponíveis imediatamente para compra. O ingresso para cada título custará R$ 6 por visualização. A partir do momento que você compra um título, você terá 3 dias pra ver. A partir do momento que der play, são 24h. Além das exibições em streaming, haverá ainda sessões no Belas Artes Drive-in (Memorial da América Latina) e Cinesesc Drive-in (unidade Sesc Parque Dom Pedro II). As plataformas Spcine Play e Sesc Digital darão acesso gratuito a 30 títulos.

ATENÇÃO!

Haverá um limite de visualizações (“ingressos”) para cada filme: Serão 2.000 – No caso do filme de Abertura, NOVA ORDEM e CASA DE ANTIGUIDADES, serão “apenas” 1.000, então monte sua programação começando pelos filmes mais badalados, deixando os desconhecidos (ou as descobertas) para o final. Para ajudar listamos o que deve acabar primeiro:

FILMES MAIS PROCURADOS
NÃO HÁ MAL ALGUM . NADANDO ATÉ O MAR FICAR AZUL . SIBERIA . ISSO NÃO É UM ENTERRO, É UMA RESSURREIÇÃO . FILMES DO SESC PLAY

FILMES ESGOTADOS!
NOVA ORDEM . CASA DE ANTIGUIDADES . O CAMINHO PARA MOSCOU . NIMBY . SEM CABEÇA . LUZ ACESA

SURPREENDA-SE!
A Mostra – como sempre – honrou suas tradições e foi pelo exótico. Cerca de 25% da Seleção de 198 filmes, ninguém viu ou opinou, então ficaram fora de nossa análise. O que se nota, é uma forte composição de filmes da Berlinale´20, quase 20%; uma seleção extraordinária de documentários, como nunca se viu na Mostra; uma presença considerável de filmes do Canadá e Suíça. E também um ineditismo surpreendente na Mostra Brasil.

Dos títulos gourmet, o melhor indiscutivelmente é o Urso de Ouro de Berlim – NÃO HÁ MAL ALGUM, do iraniano Mohammad Rasoulof. Acho importante frisar ao leitor que evitem ler qualquer coisa sobre esse título, nem mesmo a sinopse, porque isso vai estragar a experiencia de vê-lo. Dito isso, saibam que o diretor está preso justamente por esse título.

Outro destaque são os dois filmes do quimérico “Projeto DAU”, uma titânica simulação em larga escala do repressivo regime stalinista, 2 anos de filmagens, 700 horas de material bruto, 11 filmes ao todo a serem lançados…Portanto os dois primeiros filmes valem o ingresso, embora não os recomende às “senhorinhas do Reserva” porque exigem certo estômago de acompanhar. O episódio de NATASHA concorreu aos Ursos, o DEGENERATION exibiu-se nas sessões paralelas de Berlim. São duas peças soberbas de cinema. Também de Berlim, destaco o SIBÉRIA de Abel Ferrara, embora saibam que é um título “ame ou deixe”. Na Sessão de imprensa, metade do publico abandonou a sala, eu, todavia adorei, e acho válido avisar que é um filme extremamente surrealista (ou dadaísta?), então estejam preparados. Outro título polêmico que gostaria de destacar é FÁBULAS RUINS, uma espécie de “Haneke” para italianos.

A Seleção portuguesa está muito boa, MOSQUITO de João Nuno Pinto e O ANO DA MORTE DE RICARDO REIS de João Botelho são títulos obrigatórios; do ano passado tem ainda A HERDADE de Tiago Guedes, que tentou o Oscar. Pelo menos um, você precisa ver. Outro “destaque” dessa Mostra é o Filme de Abertura, NOVA ORDEM. O diretor é polêmico, o mesmo de DEPOIS DE LÚCIA e CHRONIC, e esse, em particular, é violentíssimo, isso em larga escala. Estejam avisados!

De Cannes, embora o título evidente seja MÃES DE VERDADE, da Naomi Kawase. Um filme no feminino, resquícios minimalistas de Ozu e Kurosawa, no modus operandi de filmar um drama familiar tão bem como os japoneses o fazem, mas aqui pontuado de luz e silêncios, acho que a grande surpresa será a animação JOSEP, do cartunista Aurel, “um filme sobre o ato de desenhar” que aos poucos lhe engole vivo até a catarse.

Outros destaques, daqueles filmes do Lálongequistão que a Mostra tem fetiche de nos fazer conhecer, queria pontuar os títulos do Lesoto (ISSO NÃO É UM ENTERRO, É UMA RESSURREIÇÃO), Ruanda (NOSSA SENHORA DO NILO), Azerbaijão (ENTRE MORTES), África do Sul (POPPIE NONGENA) e Índia (são dois, A PASTORA E AS SETE CANÇÕES e EEB ALLAY OOO!), filmes que tenho certeza, farão burburinho porque tratam o cinema com devido respeito, seja como peça poética ou retrato etnográfico.

Enfim, abaixo a gente destrinchou a seleção completa para você, leitor, não ficar perdido entre tantos filmes. Criamos várias “categorias” e listamos todos os títulos do melhor ao pior, segundo nosso radar dos Festivais. Então, aproveitem!


OS MELHORES FILMES DA MOSTRA SP

FILMES INDISPENSÁVEIS
1 . ISSO NÃO É UM ENTERRO, É UMA RESSURREIÇÃO . Lemohang Jeremiah Mosese . CRÍTICA
2 . MOSQUITO . João Nuno Pinto . CRÍTICA
3 . JOSEP . Aurélien Froment
4 . DAU. DEGENERATION . Ilya Khrzhanovskiy & Jekaterina Oertel . CRÍTICA
5 . WELCOME TO CHECHNYA . David France . CRÍTICA
6 . NÃO HÁ MAL ALGUM . Mohammad Rasoulof . foto . CRÍTICA
7 . LADRÕES DE CINEMA . Fernando Coni Campos
8 . VIAGEM AO FIM DO MUNDO . Fernando Coni Campos
9 . DAU. NATASHA . Ilya Khrzhanovskiy & Jekaterina Oertel . CRÍTICA
10 . O ANO DA MORTE DE RICARDO REIS . João Botelho
11 . LUA VERMELHA . Lois Patiño . CRÍTICA
12 . NADANDO ATÉ O MAR FICAR AZUL . Jia Zhangke . CRÍTICA
13 . PARI . Siamak Etemadi
14 . NOVA ORDEM . Michel Franco . CRÍTICA 1 . CRÍTICA 2
FILMES IMPERDÍVEIS
15 . EEB ALLAY OOO! . Prateek Vats
16 . PROBLEMAS COM A NATUREZA . Illum Jacobi
17 . ROSE INTERPRETA JULIE . Joe Lawlor & Christine Molloy
18 . NARIZ SANGRANDO, BOLSOS VAZIOS . Bill & Turner Ross
19 . CITY HALL . Frederick Wiseman
20 . SIBERIA . Abel Ferrara . CRÍTICA
21 . MALMKROG . Cristi Puiu . CRÍTICA
22 . CONTOS DA PRISÃO . Abel Visky
23 . LABIRINTO YO`EME . Sergi Pedro Ros
24 . NOSSA SENHORA DO NILO . Atiq Rahimi . CRÍTICA
25 . PIEDRA SOLA . Alejandro Telemaco Tarraf
26 . MAMÃE, MAMÃE, MAMÃE . Sol Berruezo Pichon-Rivière . CRÍTICA
27 . SEM RESSENTIMENTOS . Faraz Shariat
28 . A PASTORA E AS SETE CANÇÕES . Pushpendra Singh
29 . MEU CORAÇÃO SÓ IRÁ BATER SE VOCÊ PEDIR . Jonathan Cuartas
30 . A HERDADE . Tiago Guedes . CRÍTICA
31 . DIAS . Tsai Ming-liang
32 . A SAÍDA DOS TRENS . Radu Jude & Adrian Cioflâncă
33 . NOTTURNO . Gianfranco Rosi
FILMES SURPREENDENTES
34 . POPPIE NONGENA . Christiaan Olwagen
35 . FAREWELL AMOR . Ekwa Msangi
36 . COLÔMBIA ERA NOSSA . Jenni Kivistö & Jussi Rastas
37 . A TERRA É AZUL COMO UMA LARANJA . Iryna Tsilyk
38 . ESTAVA CHOVENDO PÁSSAROS . Louise Archambault
39 . ESTE É MEU DESEJO . Arie & Chuko Esiri
40 . HAVEL . Slávek Horák
41 . A MORTE DO CINEMA E DO MEU PAI TAMBÉM . Dani Rosenberg
42 . AS VEIAS DO MUNDO . Byambasuren Davaa
43 . APENAS MORTAIS . Liu Ze
44 . PILATOS . Linda Dombrovszky
45 . O MÁGICO E O DELEGADO . Fernando Coni Campos
46 . PAI . Srdan Golubović
47 . LAMAÇAL . Franco Verdoia
48 . O ADIVINHADOR © . Guy Maddin, Evan Johnson & Galen Johnson
49 . ESCONDIDA © . Jafar Panahi
50 . FÁBULAS RUINS . Damiano & Fabio D’Innocenzo
51 . CRIANÇAS DO SOL . Majid Majidi . CRÍTICA
52 . SHIRLEY . Josephine Decker
53 . MÃES DE VERDADE . Naomi Kawase . CRÍTICA
54 . TODOS OS MORTOS . Caetano Gotardo & Marco Dutra . CRÍTICA
FILMES BONS
55 . ENTRE O CÉU E A TERRA . Najwa Najjar
56 . FEELS GOOD MAN . Arthur Jones
57 . BEANS . Tracey Deer
58 . ESPACATE . Christian Johannes Koch
59 . O NOME ENCRAVADO EM SEU CORAÇÃO . Kuang-Hui Liu
60 . 17 QUADRAS . Davy Rothbart
61 . OS CAÇADORES DE COELHOS © . Guy Maddin, Evan Johnson & Galen Johnson
62 . SUMMERTIME . Carlos López Estrada . CRÍTICA
63 . O CHARLATÃO . Agnieszka Holland
64 . O SÉCULO 20 . Matthew Rankin
65 . MATE-O E DEIXE ESTA CIDADE . Mariusz Wilczyński . CRÍTICA
66 . MURMÚRIO . Heather Young
67 . PAISAGEM NA SOMBRA . Bohdan Sláma
68 . CORONATION . Ai Weiwei
69 . UMA NOITE NA ÓPERA © . Sergei Loznitsa
70 . KUBRICK POR KUBRICK . Grégory Monro
71 . MEU REMBRANDT . Oeke Hoogendijk
72 . ASSIM DESSE JEITO . Kislay
73 . MINHA INCRÍVEL WANDA . Bettina Oberli
74 . DESENTERRAR . Georgis Grigorakis
75 . CAVALEIRO DE VERÃO . Xing You
76 . NADIA, BORBOLETA . Pascal Plante
77 . FEVEREIRO . Kamen Kalev
78 . WINONA . Alexandros Voulgaris
79 . O CAMINHO PARA MOSCOU . Micha Lewinsky
80 . O NARIZ OU A CONSPIRAÇÃO DOS DISSIDENTES . Andrey Khrzhanovsky
81 . ANIMAIS NUS . Melanie Waelde
82 . GÊNERO, PAN . Lav Diaz
83 . MÃE DE ALUGUEL . Jeremy Hersh
84 . MISS MARX . Susanna Nicchiarelli . CRÍTICA
85 . VALENTINA . Cássio Pereira dos Santos
86 . A DEUSA DOS VAGALUMES . Anaïs Barbeau-Lavalette
87 . ORDEM MORAL . Mário Barroso
88 . UMA MÁQUINA PARA HABITAR . Yoni Goldstein & Meredith Zielke
89 . LORELEI . Sabrina Doyle
90 . MATRIARCA . Jure Pavlovic
91 . BERLIN ALEXANDERPLATZ . Burhan Qurbani
92 . VIVOS . Ai Weiwei
93 . ENTRE CÃO E LOBO . Irene Gutiérrez
94 . UIVOS SÃO OUVIDOS . Julio Hernández Cordón
95 . CHICO VENTANA QUERIA TER UM SUBMARINO . Alex Piperno
96 . NEM HERÓI NEM TRAIDOR . Nicolás Savignone
97 . O PARAÍSO DA SERPENTE . Bernardo Arellano
98 . 499 . Rodrigo Reyes
99 . CAMINHANDO CONTRA O VENTO . Wei Shujun
100 . VERÃO BRANCO . Rodrigo Ruiz Patterson
OUTROS FILMES…
104 . SUOR . Magnus von Horn . CRÍTICA
107 . ENTRE MORTES . Hilal Baydarov . CRÍTICA
110 . CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . CRÍTICA
128 . O TREMOR . Balaji Vembu Chelli . CRÍTICA


OS PIORES FILMES DA MOSTRA SP

1 . LIMIAR . Rouzbeh Akhbari & Felix Kalmenson
2 . VERLUST . Esmir Filho
3 . STARDUST . Gabriel Range . foto
4 . ZANKA CONTACT . Ismaël El Iraki
5 . SEM VOZ . Pascal Rabaté
6 . COZINHAR F*DER MATAR . Mira Fornay . CRÍTICA
7 . NIMBY . Teemu Nikki
8 . CIDADE PÁSSARO . Matias Mariani
9 . UM CRIME COMUM . Francisco Márquez
10 . 1986 . Lothar Herzog
11 . GATO NA PAREDE . Mina Mileva & Vesela Kazakova
12 . MINHA IRMÃ . Stéphanie Chuat & Véronique Reymond
13 . O PROBLEMA DE NASCER . Sandra Wollner . CRÍTICA


OS MELHORES DOCUMENTÁRIOS DA MOSTRA SP

1 . WELCOME TO CHECHNYA . David France . foto . CRÍTICA
2 . NADANDO ATÉ O MAR FICAR AZUL . Jia Zhangke . CRÍTICA
3 . NARIZ SANGRANDO, BOLSOS VAZIOS . Bill & Turner Ross
4 . CITY HALL . Frederick Wiseman
5 . CONTOS DA PRISÃO . Abel Visky
6 . LABIRINTO YO`EME . Sergi Pedro Ros
7 . A SAÍDA DOS TRENS . Radu Jude & Adrian Cioflâncă
8 . NOTTURNO . Gianfranco Rosi
9 . COLÔMBIA ERA NOSSA . Jenni Kivistö & Jussi Rastas
10 . A TERRA É AZUL COMO UMA LARANJA . Iryna Tsilyk
11 . FEELS GOOD MAN . Arthur Jones
12 . 17 QUADRAS . Davy Rothbart
13 . CORONATION . Ai Weiwei
14 . UMA NOITE NA ÓPERA © . Sergei Loznitsa
15 . KUBRICK POR KUBRICK . Grégory Monro
16 . MEU REMBRANDT . Oeke Hoogendijk
17 . UMA MÁQUINA PARA HABITAR . Yoni Goldstein & Meredith Zielke
18 . VIVOS . Ai Weiwei
19 . CANDANGO: MEMÓRIAS DO FESTIVAL . Lino Meireles
20 . 499 . Rodrigo Reyes


AS MELHORES ANIMAÇÕES DA MOSTRA SP

1 . JOSEP . Aurélien Froment . foto
2 . MATE-O E DEIXE ESTA CIDADE . Mariusz Wilczyński . CRÍTICA
3 . O NARIZ OU A CONSPIRAÇÃO DOS DISSIDENTES . Andrey Khrzhanovsky
** . O PERGAMINHO VERMELHO . Nelson Botter Jr.


OS MELHORES FILMES LGBT DA MOSTRA SP

1 . WELCOME TO CHECHNYA . David France . CRÍTICA
2 . NARIZ SANGRANDO, BOLSOS VAZIOS . Bill & Turner Ross
3 . SEM RESSENTIMENTOS . Faraz Shariat . foto
4 . DIAS . Tsai Ming-liang
5 . SHIRLEY . Josephine Decker
6 . O NOME ENCRAVADO EM SEU CORAÇÃO . Kuang-Hui Liu
7 . O CHARLATÃO . Agnieszka Holland
8 . O SÉCULO 20 . Matthew Rankin
9 . VALENTINA . Cássio Pereira dos Santos
10 . CASULO . Leonie Krippendorff


OS MELHORES FILMES DIRIGIDOS POR MULHERES DA MOSTRA SP

1 . MAMÃE, MAMÃE, MAMÃE . Sol Berruezo Pichon-Rivière . CRÍTICA
2 . FAREWELL AMOR . Ekwa Msangi . foto
3 . A TERRA É AZUL COMO UMA LARANJA . Iryna Tsilyk
4 . AS VEIAS DO MUNDO . Byambasuren Davaa
5 . PILATOS . Linda Dombrovszky
6 . SHIRLEY . Josephine Decker
7 . MÃES DE VERDADE . Naomi Kawase . CRÍTICA
8 . ENTRE O CÉU E A TERRA . Najwa Najjar
9 . BEANS . Tracey Deer
10 . O CHARLATÃO . Agnieszka Holland
11 . ANIMAIS NUS . Melanie Waelde
12 . MISS MARX . Susanna Nicchiarelli . CRÍTICA
13 . LORELEI . Sabrina Doyle
14 . ENTRE CÃO E LOBO . Irene Gutiérrez
15 . IMPEDIMENTO EM CARTUM . Marwa Zein


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE SUNDANCE´20 NA MOSTRA SP

1 . ISSO NÃO É UM ENTERRO, É UMA RESSURREIÇÃO . Lemohang Jeremiah Mosese . CRÍTICA
2 . WELCOME TO CHECHNYA . David France . CRÍTICA
3 . NARIZ SANGRANDO, BOLSOS VAZIOS . Bill & Turner Ross
4 . FAREWELL AMOR . Ekwa Msangi
5 . A TERRA É AZUL COMO UMA LARANJA . Iryna Tsilyk
6 . SHIRLEY . Josephine Decker . foto
7 . FEELS GOOD MAN . Arthur Jones
8 . SUMMERTIME . Carlos López Estrada . CRÍTICA
9 . VIVOS . Ai Weiwei
10 . VERÃO BRANCO . Rodrigo Ruiz Patterson
11 . EXÍLIO . Visar Morina
12 . QUANDO ANOITECE . Braden King


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE ROTTERDAM´20 NA MOSTRA SP

1 . ISSO NÃO É UM ENTERRO, É UMA RESSURREIÇÃO . Lemohang Jeremiah Mosese . foto . CRÍTICA
2 . MOSQUITO . João Nuno Pinto . CRÍTICA
3 . PROBLEMAS COM A NATUREZA . Illum Jacobi
4 . PIEDRA SOLA . Alejandro Telemaco Tarraf
5 . QUANDO ANOITECE . Braden King
6 . PANQUIACO . Ana Elena Tejera
7 . O DESPERTAR DE FANNY LYE . Thomas Clay
8 . CALAZAR . Janis Rafa


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE BERLIM´20 NA MOSTRA SP

1 . DAU. DEGENERATION . Ilya Khrzhanovskiy & Jekaterina Oertel . foto . CRÍTICA
2 . WELCOME TO CHECHNYA . David France . CRÍTICA
3 . NÃO HÁ MAL ALGUM . Mohammad Rasoulof . CRÍTICA
4 . DAU. NATASHA . Ilya Khrzhanovskiy & Jekaterina Oertel . CRÍTICA
5 . LUA VERMELHA . Lois Patiño . CRÍTICA
6 . NADANDO ATÉ O MAR FICAR AZUL . Jia Zhangke . CRÍTICA
7 . PARI . Siamak Etemadi
8 . EEB ALLAY OOO! . Prateek Vats
9 . NARIZ SANGRANDO, BOLSOS VAZIOS . Bill & Turner Ross
10 . SIBERIA . Abel Ferrara . CRÍTICA
11 . MALMKROG . Cristi Puiu . CRÍTICA
12 . NOSSA SENHORA DO NILO . Atiq Rahimi . CRÍTICA
13 . MAMÃE, MAMÃE, MAMÃE . Sol Berruezo Pichon-Rivière . CRÍTICA
14 . SEM RESSENTIMENTOS . Faraz Shariat
15 . A PASTORA E AS SETE CANÇÕES . Pushpendra Singh
16 . DIAS . Tsai Ming-liang
17 . A SAÍDA DOS TRENS . Radu Jude & Adrian Cioflâncă
18 . ESTE É MEU DESEJO . Arie & Chuko Esiri
19 . AS VEIAS DO MUNDO . Byambasuren Davaa
20 . PAI . Srdan Golubović
21 . FÁBULAS RUINS . Damiano & Fabio D’Innocenzo
22 . SHIRLEY . Josephine Decker
23 . TODOS OS MORTOS . Caetano Gotardo & Marco Dutra . CRÍTICA
24 . O CHARLATÃO . Agnieszka Holland
25 . O SÉCULO 20 . Matthew Rankin
26 . MATE-O E DEIXE ESTA CIDADE . Mariusz Wilczyński . CRÍTICA


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE CANNES´20 NA MOSTRA SP

1 . JOSEP . Aurélien Froment
2 . A MORTE DO CINEMA E DO MEU PAI TAMBÉM . Dani Rosenberg
3 . MÃES DE VERDADE . Naomi Kawase . foto . CRÍTICA
4 . NADIA, BORBOLETA . Pascal Plante
5 . FEVEREIRO . Kamen Kalev
6 . SUOR . Magnus von Horn . CRÍTICA
7 . DEZESSEIS PRIMAVERAS . Suzanne Lindon
8 . CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . CRÍTICA
9 . AO ENTARDECER . Sharunas Bartas


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE VENEZA´20 NA MOSTRA SP

1 . NOVA ORDEM . Michel Franco . foto . CRÍTICA 1 . CRÍTICA 2
2 . CITY HALL . Frederick Wiseman
3 . NOTTURNO . Gianfranco Rosi
4 . CRIANÇAS DO SOL . Majid Majidi . CRÍTICA
5 . GÊNERO, PAN . Lav Diaz
6 . MISS MARX . Susanna Nicchiarelli . CRÍTICA
7 . ENTRE MORTES . Hilal Baydarov . CRÍTICA


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE TORONTO´20 NA MOSTRA SP

1 . NOVA ORDEM . Michel Franco . CRÍTICA 1 . CRÍTICA 2
2 . CITY HALL . Frederick Wiseman
3 . NOTTURNO . Gianfranco Rosi . foto
4 . MÃES DE VERDADE . Naomi Kawase . CRÍTICA
5 . BEANS . Tracey Deer
6 . DEZESSEIS PRIMAVERAS . Suzanne Lindon
7 . CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . CRÍTICA


OS MELHORES FILMES DO FESTIVAL DE SAN SEBASTIAN´20 NA MOSTRA SP

1 . NOVA ORDEM . Michel Franco . CRÍTICA 1 . CRÍTICA 2
2 . MAMÃE, MAMÃE, MAMÃE . Sol Berruezo Pichon-Rivière . foto . CRÍTICA
3 . DIAS . Tsai Ming-liang
4 . MÃES DE VERDADE . Naomi Kawase . CRÍTICA
5 . TODOS OS MORTOS . Caetano Gotardo & Marco Dutra . CRÍTICA
6 . ESPACATE . Christian Johannes Koch
7 . MISS MARX . Susanna Nicchiarelli . CRÍTICA
8 . DEZESSEIS PRIMAVERAS . Suzanne Lindon
9 . CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . CRÍTICA
10 . AO ENTARDECER . Sharunas Bartas


OS MELHORES FILMES BRASILEIROS NA MOSTRA SP

1 . LADRÕES DE CINEMA . Fernando Coni Campos
2 . VIAGEM AO FIM DO MUNDO . Fernando Coni Campos
3 . O MÁGICO E O DELEGADO . Fernando Coni Campos
4 . TODOS OS MORTOS . Caetano Gotardo & Marco Dutra . CRÍTICA
5 . VALENTINA . Cássio Pereira dos Santos
6 . CANDANGO: MEMÓRIAS DO FESTIVAL . Lino Meireles
7 . AS ÓRBITAS DA ÁGUA . Frederico Machado
8 . CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . foto . CRÍTICA
9 . UM DIA COM JERUSA . Viviane Ferreira
PREMIERES NACIONAIS DE DESTAQUE
** . LA PLANTA . Beto Brant


OS MELHORES CONTENDERS DO #OSCAR2021 NA MOSTRA SP

SHIRLEY . Josephine Decker . foto
*** Atriz, Roteiro Adaptado ***

WELCOME TO CHECHNYA . David France
CITY HALL . Frederick Wiseman
VIVOS . Ai Weiwei
*** Documentário ***

MOSQUITO . João Nuno Pinto . Postulante Portugal
NOVA ORDEM . Michel Franco . Postulante México
A HERDADE . Tiago Guedes . Submissão Oficial de Portugal – Oscar 2020
FÁBULAS RUINS . Damiano & Fabio D’Innocenzo . Postulante Itália
CRIANÇAS DO SOL . Majid Majidi . Postulante Irã
TODOS OS MORTOS . Caetano Gotardo & Marco Dutra . Postulante Brasil
AO ENTARDECER . Sharunas Bartas . Postulante Lituânia
BERLIN ALEXANDERPLATZ . Burhan Qurbani . Postulante Alemanha
ARAÑA . Andrés Wood . Submissão Oficial do Chile – Oscar 2020
CASA DE ANTIGUIDADES . João Paulo Miranda Maria . Postulante Brasil
CHICO VENTANA QUERIA TER UM SUBMARINO . Alex Piperno . Postulante Uruguai/Brasil
MISS MARX . Susanna Nicchiarelli . Postulante Itália
ENTRE MORTES . Hilal Baydarov . Postulante Azerbaijão
EXÍLIO . Visar Morina . Submissão Oficial do Kosovo – Oscar 2021
MINHA IRMÃ . Stéphanie Chuat & Véronique Reymond . Submissão Oficial da Suíça – Oscar 2021
O CHARLATÃO . Agnieszka Holland . Submissão Oficial da República Tcheca – Oscar 2021
*** Filme Internacional ***

Article Tags:
Article Categories:
FESTIVAIS

Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.