As dúvidas de um Oscar precoce


Tantos meses, tanto dinheiro, tanta quirela, mas finalmente os Oscars encontraram seu destino. Em uma cerimônia cuja maior virtude foi sua brevidade, apresentada por um Billy Crystal cuja maior virtude foi dedicar todos esses meses ensaiando ao invés de fazer novos filmes, os prêmios, afinal, se dividiram entre um filme francês com financiamento norte-americano (O ARTISTA) e uma superprodução norte-americana ambientada na França (A INVENÇÃO DE HUGO CABRET. Ambos compartilham a mesma origem: O cinema mudo. Ambos compartilham o mesmo destino: São os filmes mais premiados em um ano de SHAME, DRIVE, MELANCOLIA, A ÁRVORE DA VIDA, CÓPIA FIEL e A SEPARAÇÃO em uma cerimônia que gerou muitas dúvidas e cujas perguntas não temos resposta…

  • Por que Billy Crystal entrou na cerimônia em um tapete de celulóide se todos filmam em digital?
  • Porque Crystal se fartou de fazer piadinhas da quebra da Kodak e se absteve de outros mini-estudios de Hollywood que também quebraram esse ano?
  • Quando Crystal deixará de (a) Se meter em vídeos alheios para fazer piadinha dos indicados? (b) Desafinar durante cinco minutos apresentando os indicados em musiquetas? (c) Ler o pensamento de atores que pensam exatamente o contrário com exceção, talvez, de Nick Nolte?
  • Que pensou Alberto Iglesias, Alexandre Desplat e Hans Zimmer ao saber que o Oscar foi para uma Trilha Musical cujo clímax é basicamente uma partitura de Bernard Herrmann, que morreu em 1975? O que pensa Kim Novak, já sabemos…
  • Que pensou J.K.Rowling ao ver seu holocausto bruxo concorrer a 16 Oscars e nunca ganhar? Pense o que quiser, mas, por favor, que não tente emendar o “soneto” com um caça-níquel qualquer.
  • Que pensou Madonna, Jonsi, The National, Carlinhos Brown e Joan Clos ao ver que o Oscar de Melhor Canção foi para a pior canção dOS MUPPETS?
  • Há alguém no mundo, além de David Fincher e seus montadores que pensa que um filme de 3 horas cujo primeiro ato tem menos ritmo que James Franco apresentando um Oscar é realmente a Melhor Montagem do ano?
  • Por acaso a Academia de Hollywood suspendeu a assinatura da Variety, The Hollywood Reporter e IMDB para esquecer que Theo Angelopoulos e Erland Josephson morreram esse ano?
  • Quem poderia imaginar que o cenário dOS AVENTUREIROS DO BAIRRO PROIBIDO seria a inspiração do palco do Oscar 2012?
  • Se a cerimônia foi uma homenagem retro aos anos 80, porque ninguém convidou Stallone, Lundgren, Norris e Van Damme para entregar o Oscar de Melhor Efeitos Visuais?
  • Se “Os 80” estão na moda com Christopher Plummer ganhando um Oscar aos 82 anos, os Taviani ganhando um Urso aos 83 e os filmes mudos retornando de vez, porque o Brasil não refilma CENTRAL DO BRASIL em 3D para Fernanda Montenegro levar também uma estatueta?
  • Por que temos a sensação de que o espírito de Melissa McCarthy assumiu o corpo de Meryl Streep, quando ela subiu ao palco para receber seu Oscar de Melhor Atriz, imitando um caminhoneiro texano ao invés de uma política britânica?
  • Vendo a diferença de altura entra Emma Stone & Ben Stiller e entre Gwyneth Paltrow & Robert Downey Jr., alguém ainda se pergunta por que Tom Cruise apareceu sozinho para entregar seu Oscar?
  • Não havia um contexto mais espirituoso para os Muppets aparecer em Palco? Tinha que ser apresentando o Cirque du Soleil?
  • Alguém contou quantos bailarinos do Cirque du Soleil ao realizar um número musical que homenageava o cinema clássico, acabou fazendo um tributo involuntário às comédias de Charlie Chaplin e Buster Keaton?
  • A Academia realmente acreditou que trocar a apresentação dos Muppets e “Real in Rio” em palco pela encenação fajuta dos trainees do Cirque du Soleil seria mais, digamos, divertida?
  • Foi ousadia de Cameron Diaz e Jennifer Lopez apresentar o Oscar de costas ou ousado foi mesmo o seio de J-Lo que pulou para fora?
  • Porque cortam os Oscars Honorários e não cortam o discurso “paisagem” do Presidente da Academia?
  • Com tantos filmes para se fazer montagem, como MELANCOLIA ou SHAME, porque escolheram justamente MISSÃO IMPOSSIVEL 4 para abrir a festa?
  • Por que ninguém se perguntou como foi possível há dois anos fazer uma homenagem póstuma decente à John Hughes e, agora, dedicar apenas um nanosegundo para a morte de Sidney Lumet?
  • Porque o Oscar deixou a sensação de que a única seqüência que vale a pena em A INVENÇÃO DE HUGO CABRET foi o acidente de trem?
  • Que pensou James Franco sobre o Oscar desse ano? (a) Ele não viu porque estava rodando um filme gay? (b) Não viu porque estava se embebedando com Andy Serkis? (c) Ele até viu, mas no estado que estava não se lembra…
  • Que pensou Anne Hathaway sobre o Oscar desse ano? (a) Que em 2013, ela deve cantar “Los miserables” com Hugh Jackman? (b) Que ela fez um Nixon melhor que Meryl Streep com sua Thatcher e ninguém lhe deu um Oscar? (c) O mesmo que o diretor de BATMAN: O Oscar é uma m…
  • Com tantas montagens, não havia dinheiro para montar os créditos do Oscar de Melhor Filme? Tinha mesmo que repetir a diagramação do ano anterior?
  • Enfim, em que momento Hollywood deixou de ter contato com a realidade sabendo-se que o único discurso que reflete nossa época é de um diretor iraniano? O resto, como o próprio Billy Crystal enfatizou na melhor gag da noite, foi um bando de milionários que se dão prêmios dourados na frente de milhões de pessoas.
  • Article Tags:
    Article Categories:
    AWARDS

    Comments

    • Como é que a Fotografia de Emmanuel Lubeski perde a Fotografia de Robert Richardson parA Invenção de Hugo Cabret?

      Como A Invenção de Hugo Cabret vence a categoria de Efeitos Visuais com HP7 parte 2 e Planeta dos Macacos-A Origem disputando a mesma categoria?

      O trabalho da equipe de Maquiagem dA Dama de Ferro é notável, mas premiá-lo justo quando HP7 parte 2 compete com seu melhor trabalho na área?

      E quanto as superiores Trilhas Musicais dA Invenção de Hugo Cabret e Cavalo de Guerra, que perderam para um montoado de adaptações dos anos 30 dO Artista? E quanto à Alexandre Desplat, que no auge de sua carreira, compondo uma Trilha duramente emocionante para o final épico da saga do menino bruxo, ficou de fora da disputa?!

      Em um ano de As Aventuras de Tintim e Operação Presente, vemos o francês Um Gato em Paris e o espanhól Chico & Rita entre os indicados.

      Esta, pessoal, é a Academia de Arte e Ciências Cinematográficas.

      Héber Ribeiro 16 de fevereiro de 2013 1:44 Responder
    • O Oscar trata-se muito mais de um festival onde impera a politicagem e a discarada vontade de colocar o cinema hollywoodiano sempre em alta….2011 foi um ano ruim para o cinema americano de um modo geral e, mesmo assim, conseguiram passar uma idéia de que agora sim o cinema americano está no caminho certo!! Parece que a receita é buscar a nostalgia mesmo…..
      Como esquecer de Melancolia, Le Havre, Arvore da vida ( que brutalmente perdeu melhor fotografia!!!), Shame, Drive, Cópia Fiel, Warrior, A Separação…..

      Ryan Gosling : um monstro de atuação em Drive
      Brad Pitt e Jéssica Chastain atuando brilhantemente em Arvore da Vida
      Melancolia com Kirsten Dunst…
      Fassbender em Shame

      São apenas exemplos,,,,,

      Vou de Cannes mesmo….

      THIAGO HORTA 10 de março de 2012 18:59 Responder
    • Todas perguntas plausíveis para as quais eu também adoraria ter respostas! :)

      Kamila 29 de fevereiro de 2012 19:46 Responder

    Deixe uma resposta