A Luz Entre Oceanos

THE LIGHT BETWEEN OCEANS


Rumo ao farol… Um homem à deriva, uma mulher idem. Ele traumatizado pela guerra. Ela, pelos abortos constantes. Um casal, um amor, uma vida, uma ilha, ali, nesse farol. Dia após dia, NAMORADOS PARA SEMPRE, solitários para sempre, nO LUGAR ONDE TUDO TERMINA, onde tudo acaba, ali nesse ambiente crepuscular, donde as ondas se quebram, a noite cai e não resta mais nada além dessa luz. UmA LUZ ENTRE OCEANOS: E é ali que surge um barco, um homem morto e um bebê em prantos. Também uma esperança. Um futuro. Uma história maravilhosa e algumas reviravoltas.

Um filme sobre perdas, as pequenas coisas da vida, a grama, o mar, o vento, as escolhas de Michael Fassbender e Alicia Vikander, banhados pelo Sol e a maresia. A música de Alexandre Desplat ditando o ritmo, o drama, a inocência. E daí, dessa decisão, dentre a ação e a reação, o bem e o mal, dessa confusão, talvez um clichê, tantas perspectivas e ambiguidades, surge o dilema e Rachel Weisz. Algo arrebatador, emocionante, extremamente melancólico por tal instinto, seja ético, moral, materno ou humano. Não importa. Ao final, resta apenas as lágrimas e esse farol.

(*) Crônica livremente inspirada do material cedido pela Walt Disney Studios
RATING: 72/100

TRAILER

Article Categories:
FILMES · RIO · VENEZA

Deixe uma resposta