Os Melhores Montadores do Cinema

“O montador dá o ritmo do filme, em um trabalho que está diretamente ligado à harmonia que ele tem com o diretor”

Verônica Kovensky

Há vários motivos para assistir um filme: Pelo espetáculo, pelo riso, pela arte… E então há pessoas. Não pessoas que vão assistir aos filmes, mas as do próprio filme! Os personagens conjurados pelo ator que interpretam palavras do escritor, guiadas pelo diretor, através da celulóide do fotográfo, projetado na tela por um feixe de luz. Assim muitos nos convencem à acreditar de fato nessas pessoas tanto quanto nós acreditamos em nós mesmos.

Hoje, Spoiler vai homenagear essas pessoas: Mitos que fizeram de suas vidas, os nossos sonhos. Deuses que fizeram de seu trabalho, uma lenda. Monstros que fizeram da historia, uma arte…

Mitos, Deuses e Monstros:

100
Zach Staenberg

“Matrix” (1999)

99
William Holmes

“Sargento York” (1941)

98
Tom Rolf

“Os Eleitos” (1983)

97
Thomas Stanford

“Amor, Sublime Amor” (1961)

96
Thom Noble

“A Testemunha” (1985)

95
Stewart Linder

“Grand Prix” (1966)

94
Stephen Rotter

“Os Eleitos” (1983)

93
Stephen Mirrione

“Traffic” (2000)

92
Scott Conrad

“Rocky – O Lutador” (1976)

91
Richard Halsey

“Rocky – O Lutador” (1976)

90
Peter Taylor

“A Ponte do Rio Kwai” (1957)

89
Neil Travis

“Dança com Lobos” (1990)

88
Martin Walsh

“Chicago” (2002)

87
Jamie Selkirk

“O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei” (2003)

86
James Cameron

“Titanic” (1997)

85
Hugh Fowler

“Patton, Rebelde ou Herói ” (1970)

84
Henry Berman

“Grand Prix” (1966)

83
Glenn Farr

“Os Eleitos” (1983)

82
Gabriella Cristiani

“O Último Imperador” (1987)

81
Frank Santillo

“Grand Prix” (1966)

80
Francoise Bonnot

“Z” (1969)

79
Francis Lyon

“Corpo e Alma” (1947)

78
Douglas Steward

“Os Eleitos” (1983)

77
David Bretherton

“Cabaret” (1972)

76
David Brenner

“Nascido em 4 de Julho” (1989)

75
Claire Simpson

“Platoon” (1986)

74
Carl Kress

“Inferno na Torre” (1974)

73
William Ziegler

“My Fair Lady” (1964)

72
William Steinkamp

“Totsie” (1982)

71
Stuart Gilmore

“O Álamo” (1970)

70
Sam O’Steen

“Chinatown” (1977)

69
Robert Wolfe

“Todos os Homens do Presidente” (1976)

68
Robert Swink

“Funny Girl” (1968)

67
Robert Jones

“Essa Terra é Minha Terra” (1976)

66
Richard Francis Bruce

“Se7en” (1995)

65
Ralph Kemplen

“Moulin Rouge” (1952)

64
Philip Anderson

“Sayonara” (1957)

63
Pembroke Herring

“Entre Dois Amores” (1985)

62
Frank Urioste

“Robocop” (1987)

61
Ferris Webster

“Sob o Domínio do Mal” (1962)

60
Doane Harrison

“Crepúsculo dos Deuses” (1950)

59
Dede Allen

“Reds” (1981)

58
Verna Fields

“Tubarão” (1975)

57
Robert Parrish

“Corpo e Alma” (1947)

56
Robert Kern

“A Mocidade é Assim Mesmo” (1945)

55
Richard Chew

“Um Estranho no Ninho” (1975)

54
Richard A. Harris

“Titanic” (1997)

53
Paul Hirsch

“Ray” (2004)

52
Mike Hill

“Uma Mente Brilhante” (2001)

51
Margaret Booth

“O Grande Motim” (1935)

50
Marcia Lucas

“Star Wars” (1977)

49
John Dunning

“Ben-Hur” (1959)

48
Joel Cox

“Os Imperdoáveis” (1992)

47
Jim Clark

“Os Gritos do Silêncio” (1984)

46
Jerry Greenberg

“Operação França” (1971)

45
Hal Kern

“…E o Vento Levou” (1939)

44
Hal Ashby

“No Calor da Noite” (1967)

43
Gene Ruggiero

“A Volta ao Mundo em 80 Dias” (1956)

42
Elmo Williams

“Matar ou Morrer” (1952)

41
Dan Hanley

“Apollo 13″ (1995)

40
Cotton Warburton

“Mary Poppins” (1964)

39
Conrad Buff

“O Exterminador do Futuro 2 – O Julgamento Final” (1991)

38
Alan Heim

“All That Jazz” (1979)

37
Adrienne Fazan

“Gigi” (1958)

36
Warren Low

“A Rosa Tatuada” (1955)

35
Richard Marks

“Melhor, Impossível” (1997)

34
Michael Luciano

“Os Doze Condenados” (1967)

33
Dorothy Spencer

“Cleopátra” (1963)

32
Peter Zinner

“O Franco-Atirador” (1978)

31
Lisa Fruchtman

“Apocalipse Now” (1979)

30
John Bloom

“Ghandi” (1982)

29
George Amy

“Águias Americanas” (1943)

28
Gene Havlick

“Horizonte Perdido” (1937)

27
Fredric Steinkamp

“Grand Prix” (1966)

26
Charles Nelson

“Férias de Amor” (1955)

25
Paul Weatherwax

“A Volta ao Mundo em 80 Dias” (1956)

24
Harry Gerstad

“Matar ou Morrer” (1952)

23
Al Clark

“A Mulher faz o Homem” (1934)

22
William Hornbeck

“Um Lugar ao Sol” (1951)

21
James Newcom

“…E o Vento Levou” (1939)

20
Frank Keller

“Bullit” (1968)

19
Anne Bauchens

“O Maior Espetáculo da Terra” (1952)

18
Gene Milford

“Sindicato de Ladrões” (1954)

17
Conrad Nervig

“As Minas do Rei Salomão” (1950)

16
Frederic Knudtson

“Julgamento em Nuremberg” (1961)

15
Gerry Hambling

“Em Nome do Pai” (1993)

14
Anne Coates

“Lawrence da Árabia” (1962)

13
Joe Hutshing

“Nascido em 4 de Julho” (1989)

12
Pietro Scalia

“JFK – A Pergunta que Não Quer Calar” (1991)

11
Walter Murch

“O Paciente Inglês” (1996)

10
Thelma Schoonmaker

“Touro Indomável” (1980)

9
Arthur Schmidt

“Forrest Gump” (1994)

8
Ralph Dawson

“Sonhos de uma Noite de Verão” (1935)

7
Barbara McLean

“A Canção de Bernadette” (1943)

6
Harold Kress

“Inferno na Torre” (1974)

5
William Lyon

“À um Passo da Eternidade” (1953)

4
Ralph Winters

“Ben-Hur” (1959)

3
Daniel Mandell

“Os Melhores Anos de Nossas Vidas” (1946)

2
William Reynolds

“A Noviça Rebelde” (1965)

1
Michael Kahn

“O Resgate do Soldado Ryan” (1998)

Article Categories:
RANKINGS

Comments

  • Michael Kahn e Thelma Schoonmaker estão entre meus preferidos. Os irmãos Coen poderiam entrar, com seu “Roderick Jaynes”, e talvez Robert Wise, que na sua época de editor trabalhou em CIDADÃO KANE e em SOBERBA.

    Mateus Selle Denardin 26 de novembro de 2010 13:35 Responder

Deixe uma resposta