Oscar 2011: Melhor Filme Estrangeiro

O OSCAR em língua não-inglesa… É assim, com esse nome bem xenófobo, que a Academia denomina a sua categoria mais confusa e imprevisível. A questão básica é muito simples: O OSCAR é basicamente uma ação para promover o cinema norte-americano em todo o mundo; É – e sempre foi – um grande e bem sucedido trabalho de marketing, e os “estrangeiros” estão na premiação apenas para justificar a globalização, porventura algum investimento. A sensação é que os filmes estrangeiros simplesmente “furam” a festa alheia.

Assim, a Academia cria o máximo de dificuldades (burocracia) para que essa categoria não creça em demasia e, dessa forma, empalideça o produto nacional. E basicamente, americano não gosta de filme legendado: O problema das dublagens nunca foi resolvido a contento. Aliás, não se interessam pela cultura estrangeira.

Há várias regras esdrúxulas e complicadas para tornar um filme elegível. Mas não é suficiente. Existe um comitê voluntário que se oferece para assistir aos filmes. São divididos em grupos e nem sempre vêem o filme até o final. Assim, o filme que começa lento ou tem narrativa arrastada é logo descartado (Foi o caso de ABRIL DESPEDAÇADO). Este comitê é que escolhe, primeiro os nove semi-finalistas e, depois, os cinco finalistas, e isso explica porque há um numero tão notável de filmes famosos que ficam de fora, por vezes absurdamente.

———————————————————————–Prováveis Indicados:


INCENDIES
Canada
46%
HOMENS E DEUSES
França
44%
BIUTIFUL
México
34%
SON OF BABYLON
Iraque
33%
CIRKUS COLUMBIA
Bosnia & Herzegovina
23%


———————————————————————–Outras Possibilidades:


CONTRACORRIENTE
Peru
23%
HERMANO
Venezuela
21%
LIFE, ABOVE ALL
África do Sul
20%
DE AMOR E OUTROS DEMÔNIOS
Costa Rica
20%
A PRIMEIRA COISA BELA
Itália
19%


———————————————————————–Azarões:


EM UM MUNDO MELHOR
Dinamarca
19%
QUANDO PARTIMOS
Alemanha
19%
UM DOCE OLHAR
Turquia
19%
MESSAGES FROM THE SEA
Egito
18%
STEAM OF LIFE
Finlândia
18%


———————————————————————–Outros Filmes:


PEEPLI LIVE | India
NUUMMIOQ | Groelândia
SE EU QUISER ASSOBIAR, EU ASSOBIO | Romênia
CONFESSIONS | Japão
THE EDGE | Russia
A BAREFOOT DREAM | Coréia do Sul
HOW FUNNY (OUR COUNTRY IS) | Indonesia
DIAS VIOLENTOS | Geórgia
A PEQUENINA | Austria
BIBLIOTHÈQUE PASCAL | Hungria
EAST, WEST, EAST | Albania
BESA | Servia
DENTE CANINO | Grécia
CRAB TRAP | Colombia
HONG KONG CONFIDENTIAL | Lituania
AFTERSHOCK | China
ECHOES OF THE RAINBOW | Hong Kong
TIO BOONMEE, QUE PODE RECORDAR DE SUAS VIDAS PASSADAS | Tailândia
MORRER COMO UM HOMEM | Portugal
TIRZA | Holanda
KAWASAKI’S ROSE | Republica Theca
ABUTRES | Argentina
LA YUMA | Nicaragua
TUDO QUE EU AMO | Polônia
MOTHERS | Macedonia
ANGEL | Noruega
MONGA | Taiwan
THE TEMPTATION OF ST. TONY | Estônia
EASTERN PLAYS | Bulgaria
LA PETITE CHAMBRE | Suíça
ILLEGAL | Bélgica
SIMPLE SIMON | Suécia
THE LIGHT THIEF | Quirquistão
MAMMA GOGO | Islândia
THE LIFE OF FISH | Chile
LA VIDA UTIL | Uruguai
THE BORDER | Eslováquia
THE ATHLETE | Etiopia
FORA DA LEI | Argélia
THIRD PERSON SINGULAR NUMBER | Bangladesh
THE BLACKS | Croácia
THE HUMAN RESOURCES MANAGER | Israel
NOY | Filipinas
LULA, O FILHO DO BRASIL | Brasil
9:06 | Eslovenia
TAMBIEN LA LLUVIA | Espanha
MIENTE | Puerto Rico
STRAYED | Cazaquistão
THE PRECINCT | Azerbaijão
BLACK TULIP | Afeganistão
FAREWELL BAGHDAD | Irã

————————————————

Leia Mais sobre o OSCAR 2010…

Article Tags:
Article Categories:
AWARDS

Comments

  • Minhas apostas para os indicados (em ordem de propabilidade):

    Haevnen (Dinamarca)
    Incendies (Canadá)
    Biutiful (México)
    Life, above All (África do Sul)
    Dogtooth (Grécia)

    *Hors La Loi (Argélia)

    WALTER PRADO 24 de janeiro de 2011 16:24 Responder
  • Enquanto não reduzirem a lista (e mesmo depois de fazerem), fica impossível prever o que vai acontecer nesta imprevisível categoria.

    WALTER PRADO 12 de janeiro de 2011 10:55 Responder
  • 5 filmes
    BIUTIFUL- MEXICO
    SON OF BABYLON – IRAQUE
    A PRIMEIRA COISA BELA – ITALIA
    ABUTRES – ARGENTINA
    LULA, O FILHO DO BRASIL – BRASIL

    cesar 5 de janeiro de 2011 18:22 Responder
  • Eu tenho certeza que o Brasil escolheu um péssimo filme pra concorrer ao Oscar. Um escolha completamente política, com tanto filme bom colocaram uma porcaria dessas.

    Pedro Pádua 20 de dezembro de 2010 23:45 Responder
  • Eu ainda não faço nenhuma aposta, mas acho que “Biutiful” tem lugar assegurado nesta categoria.

    Kamila 3 de novembro de 2010 19:27 Responder

Deixe uma resposta